2 de abril de 2014

Nada que eu faça!

Glória a Deus pelo Espírito Santo e por suas revelações não é mesmo?

Aqui estou, diante de um desses sopros que o Espírito dá, que são capazes de mudar rumos e projetos. A experiência da vez se dá por tentar colocar Deus na minha caixinha.

Sim, chamo de caixinha aquele conjunto de atitudes que praticamos amparadas unicamente por doutrina e religiosidade.

Um jejum que retira comida, mas não exclui maledicência; uma oração repetida que não brota do íntimo; uma visita à igreja sem a consciência de congregar... E por aí vai.

Esses e outros comportamentos aliviam a consciência e nos fazem sentir-nos mais santos e mais merecedores das bênçãos de Deus. Eles tornam-se nosso argumento para nos achegarmos ao trono da graça cheios de razão.

Ledo engano! Além de nos aprisionar, esse comportamento nos opõe á vinda de Jesus e da sua busca por se relacionar com o homem.

Mas Deus e seu lindo agir sempre finaliza seus ensinos nos sinalizando sua palavra, e aí está: Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve. (Mateus 11:30 )


Se o cristianismo nos traz peso ou conquista por merecimento, algo está errado. Não existe merecimento, por nós mesmos nunca alcançaríamos um padrão que nos levasse a ter JESUS como recompensa.


JESUS é a expressão da nova e eterna aliança, que nos leva a entender que o preço já foi pago.

Quando Deus enviou JESUS, Ele sabia que não merecíamos, o envio deu-se por amor. 

 As disciplinas espirituais são magníficas e através delas podemos crescer muito. Mas elas não podem tirar de nós a essência do relacionamento com Cristo e a consciência da nossa limitação.
 
Deus sabe disso e Ele não se importa. Ele nos ama e pronto! Nada que eu faça muda o amor de Deus por mim!

Escolho ser santa para agradá-lo e porque santidade é o melhor estilo de vida. Mas não posso esquecer que Seu amor me alcançou quando eu era pecadora.

O Cristo que veio para aliviar, carregar em Seus braços, acalentar e entender a dor do homem me ama e me recebe apesar de mim.

Diante de todos meus atributos, ações e argumentos, me ecoa Sua voz dizendo: Eu te amei primeiro! 

Meu coração se acalma e a paz que excede todo entendimento aquieta minh'alma.

Fique na paz!


Elaine Souza, 29 anos 

Consultora de Negócios, Solteira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!