20 de julho de 2012

Origem das palavras

Olá, meninas dignas e fortes!
É importante conhecermos quão real e profundo é o significado das palavras do nosso vocabulário, para que tenhamos a consciência de suas implicações em nossas vidas. Então, hoje, vamos conhecer a origem de duas palavrinhas: abuso e sexual.

Abuso
, segundo o dicionário online Michaelis, significa 1. Uso errado, excessivo ou injusto; 2. Prática contrária às leis e aos bons usos e costumes. 3. Descomedimento, excesso. Além disso, é o exercício irregular de um direito objetivamente legal, para ocasionar dano contra a moral e contra a sociedade.
Esse termo vem do latim ABUTI, "usar mal", com a seguinte formação: AB-, "fora", mais UTI, "usar". Ou seja, é tudo aquilo que está fora de seu uso correto.

Já a palavra sexual, nesse mesmo dicionário, significa 1. Pertencente ou relativo ao sexo; 2. Que tem sexo; 3. Que caracteriza o sexo.
Esse adjetivo tem por base a palavra SEXO, que do latim SEXUS, “gênero, estado de ser macho ou fêmea”, relacionado a SECARE, “dividir, cortar”, pois ele define a raça humana em duas partes. Ou seja, é aquilo que determina os gêneros dos seres vivos e caracteriza seu instinto genésico, sua atração sexual ou a manifestação disso na vida e na conduta do indivíduo.

Conhecendo o real significado dessas palavras, temos a noção de que abuso sexual é toda prática que extrapola os limites da ética e da moral ligados aos aspectos da sexualidade. Perceba que esse abuso não tem gênero pré-definido, quer dizer, ele pode ocorrer tanto em homens como em mulheres. Além disso, não está restrito ao ato sexual, mas a todas as agressões – verbais, gestuais, etc. – vivenciadas.

Deus abençoe vocês!
Danielle Vieira, editora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!