2 de julho de 2013

Medo: um sentimento que paralisa


"Estou solteira!" Essa frase para algumas é simplesmente aterrorizante.

Estou solteira e não vejo ninguém à minha frente! 

Essa, então, tira o sono e o sossego de muitas mulheres. Diante dessa situação, muitas mulheres têm medo. Medo de não encontrarem ninguém, da idade que chega, de não realizarem seu sonho de ter uma família. E a resposta anterior ao medo é conhecida por ansiedade – tão conhecida por nós, mulheres. Na ansiedade, tememos antecipadamente o encontro com a situação que lhe causa medo. 

E por temer, paralisamos! Ficamos paradas na maioria das vezes nos lugares errados.

Quantas mulheres que por medo de ficarem sozinhas estabelecem relacionamentos que nada de bom trazem para elas, com homens que não as valorizam, que não têm Deus, ou em relacionamentos que nada têm para dar certo? Quantas sabem que não serão felizes em um futuro casamento, pois nem mesmo estão satisfeitas no namoro, mas aceitam esta condição por terem medo de nunca mais aparecer ninguém? Ou que aceitam se relacionar com alguém que nem mesmo sabem se gostam, se identificam, simplesmente porque pode ser o único a aparecer? 

Quando o medo nos paralisa, ficamos presas em um mesmo lugar, não caminhamos e, dessa forma, deixamos de viver e de ver novas possibilidades, novas pessoas, novos lugares.


“O perfeito amor lança fora todo o medo”

Quando estamos confiantes e dependentes de Deus fica muito mais fácil enxergar as possibilidades que Ele coloca a nossa frente! Não vamos deixar o medo nos paralisar, pois estar perto de Deus é algo maravilhosamente seguro. Não tenha medo do que acontecerá, saia do lugar e deixe Deus te guiar! O melhor de Deus está por vir! Não temas!


Por:



Nathália Franquito Fernandes, psicóloga.
Frase: Estar ao lado do Senhor é algo maravilhosamente seguro.







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!