20 de julho de 2012

Você Sabia? Mas, Mais ou Más?

Olá, meninas!


Hoje, quero rever com vocês as diferenças entre os “mas” que utilizamos. Apesar da semelhança fônica, eles têm diferenças significativas. Vale a pena rever!

Bom, o mas pode funcionar como conjunção, advérbio ou substantivo, ou seja, deve ser utilizado em situações que indicam oposição, sentido contrário:
Rapadura é doce, mas não é mole. (Conjunção)
Aquela rapadura era dura, mas muito dura. (Advérbio)
Nem mas nem meio mas. É isso que temos pra hoje. (Substantivo)

Já o mais pode funcionar como conjunção aditiva, pronome, substantivo, advérbio, ou seja, opõem-se, geralmente, a “menos”:
Um pouco mais de textos sobre rapadura. (Advérbio)
Havendo rapadura, o mais pode faltar. (Substantivo)

Agora, más é um adjetivo (plural), o feminino de “mau”:
O mundo divide-se em pessoas boas e pessoas más. As pessoas boas têm um sono tranquilo. As pessoas más divertem-se muito mais. Woody Allen.


Ah! Assista ao vídeo sugerido e relembre essas diferenças de uma forma bem divertida!


Espero ter ajudado!

Deus te abençoe!

Danielle Vieira, editora.

Acesso em: 15 jun. 2012.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!